_

Photobucket

Esse é o seu espaço para discutir e opinar sobre temas da paleontologia. Sinta-se livre para comentar.


domingo, 23 de outubro de 2011

Gastornis | Aves do Terror



© Jaime Chirinos

"Em meio a uma floresta densa, um pequeno grupo de Propalaetherium (um ascendente dos cavalos atuais) que corre em disparada. Então o gigante Gastornis se revela em meio a vegetação surpreendendo todo o bando. Forte e ágil, ela disfere golpes contra um dos animais. Seu enorme bico, impulsionado pelo forte pescoço, feriam o mamífero com uma força incomum; para aquele Propalaetherium seu fim era chegado." Essa foi um descrição do possível modo de caça de um dos maiores predadores do Eoceno. Essa enorme ave carnívora foi um dos mais fantásticos predadores das florestas Norte-americanas. Viveu do final do Paleoceno ao início do Eoceno.
© Asterisk.apod

© Walking with beasts

Gastornis é descendente dos dinossauros e se alimentava de pequenos répteis e mamíferos da época. Com cerca de 2 metros de altura, essa gigante era quase isenta de predadores. Com asas muito pequenas, se comparadas ao corpo, ela foi uma ave incapaz de voar; porém, possuía pernas fortes com garras afiadas nas pontas dos dedos, bico grande e rígido, capaz de causar estragos em outros animais. Seu pescoço longo gerava força na hora de dar bicadas. Sua descoberta gerou inúmeras controversas; talvez o Gastornis não fosse essa ave do terror, como é descrita. Seus primeiros fósseis foram encontrados por um paleontólogo francês, chamado Gaston Planté, em Meudon que fica próximo a Paris. Houve um acahado semelhante na América do Norte pelo paleontólogo Edward Drinker Cope.
© Walking with beasts

A partir daí começaram a surgir dúvidas sobre a alimentação do animal. Afinal, seu bico seria uma incrível arma para matar e arrancar pedaços de carne (como ocorre nas aves de rapina), ou serviria apenas para esmagar sementes e arrancas troncos de pequenas plantas? O bico é forte o bastante para realizar essas atividades, diante disso, a maioria aceita o Gastornis como um carnívoro. Outra questão é sobre a agilidade desse animal. Suas pernas não contribuem muito para que ele fosse um bom corredor, talvez fosse lento e desengonçado. Alguns cientistas acreditam que ele armava emboscadas a fim de capturar suas presas, ou se aproveitaria de animais fracos ou debilitados. E ainda há alguns cientistas que sugerem que Gastornis seria onívoro. Mesmo com todas essas questões sem uma resposta certa, essa ave está enquadrada no grupo dos animais que dominavam o habitat em que viviam.
© Dorling Kindersley

Dados da Ave:

Nome Científico: Gastornis parisiensis
Tamanho: 2 metros de altura
Peso: Cerca de 180 kg
Onde viveu: América do Norte e França
Quando viveu: Final do Paleoceno ao início do Eoceno
Dieta: Carnívoro
Referências:

2 comentários:

  1. Oi Rarisson,tudo bem?Estou passando para
    pedir-lhe um grande favor, que vc fosse no ler com prazer e votasse no selo que está no alto do lado direito, onde está escrito TOP BLOG. Depois de colocar nome e e-mail e confirmar, é só ir no seu e-mail e confirmar o voto. Me inscrevi para o Top Blog bem no final, quando as inscrições estavam encerrando e achei que nem tinha chance mais e nem esperava conseguir ir para a final...na sexta fui avisada que estava entre as finalistas na categoria educação...Nossa levei um susto!!Se vc puder me ajudar e divulgar também entre os amigos e a sua família, basta ter e-mail,pois só pode votar uma vez com o e-mail. Beijocas e tenha uma semana de Paz e Luz! conto com sua ajuda!

    ResponderExcluir