_

Photobucket

Esse é o seu espaço para discutir e opinar sobre temas da paleontologia. Sinta-se livre para comentar.


sexta-feira, 18 de fevereiro de 2011

Thalassodromeus

 © D. Bogdanov

O Thalassodromeus foi um pterossauro que viveu há cerca de 110 milhões de anos na região da Bacia do Araripe, Ceará. Ele tinha uma cabeça de 1,40 metro, envergadura de aproximadamente 4,5 metros, e largura de cerca de 1,85 metro. O Thalassodromeus pode ser traduzido como "o corredor dos mares", em alusão à sua atividade de pesca, com a mandíbula dentro da água, a exemplo do que faz um pássaro conhecido como talha-mar (embora estudos recentes indiquem que fosse completamente impossível este animal alimentar-se dessa forma). Sethi, o sobrenome, refere-se ao deus egípcio Seth, que representa o caos. Foi uma brincadeira dos paleontólogos que imaginavam a visão desse animal pescando como uma visão do inferno.
© Wikipédia en.

Devido a região do cariri ter sido uma região com imensos lagos e mares, ela abrigou inúmeras espécies de pterossauros. Eles habitavam em montanhas e se alimentavam exclusivamente de peixes. Tinha como característica uma enorme crista na cabeça, que talvez servisse para exibição para fêmeas, ou deveria auxiliar o réptil na hora do voo. Sua crista era irrigada por sangue e podia ter cores bem vivas. Como os lagartos-do-deserto de hoje o Thalassodromeus poderia usar sua crista como um receptor de calor afim de regular a temperatura corporal e auxiliar o seu metabolismo.
© Avph

O Thalassodromeus viveu no período cretáceo, já no final da era mesozóica e como todos os outros pterossauros ele era contemporâneo aos dinossauros. Especulam que o Thalassodromeus tinha uma técnica de pesca semelhante a do pássaro Talha-mar (Rynchops), em que ele dava um voo rasante sobre a água e mergulhava sua mandíbula a procura de peixes, mas estudos biomecânicos comprovam que essa técnica de pesca é pouco provável e que talvez; ao invés de usar suas mandíbulas ele usasse as garras para agarrar suas presas.
Representação de como o Thalassodromeus pescava
© Artista desconhecido

Dados do Pterossauro:

Nome Científico: Thalassodromeus sethi
Tamanho: 4,5 metros de envergadura e 1,8 metros de comprimento
Peso: Cerca de 40 quilos
Onde viveu: Bacia do Araripe, Ceará, Brasil
Quando viveu: Cretáceo
Dieta: Carnívora

Fontes: Avph, Wikipédia, Palaeocritti

Nenhum comentário:

Postar um comentário