_

Photobucket

Esse é o seu espaço para discutir e opinar sobre temas da paleontologia. Sinta-se livre para comentar.


terça-feira, 15 de setembro de 2009

Acrocantossauro

O Acrocantossauro possuía uma série de espinhas largas nas vértebras dorsais, que iam desde o pescoço até a cauda, estas espinhas, que podiam ultrapassar 30 centímetros de comprimento formariam uma "vela", cuja função poderia ser a de regular a temperatura do corpo do animal, comunicar-se com outros de sua espécie ou até mesmo para parecerem maiores para adversários.
O crânio do Acrocantossauro podia chegar a medir 1,4 metros de comprimento, com uma boca de cerca de 68 dentes próprios para cortar carne e com todo esse arsenal acredita-se que ele caçaria enormes saurópodes. O crânio do Acrocantosauro, como a maioria dos outros Alossaurideos era longo, baixo e estreito. O peso de redução de abertura na frente do olho era bastante grande, com mais de um quarto do comprimento do crânio e dois terços de sua altura.
Recentes descobertas tem anunciado muitos detalhes de sua anatomia, permitindo o foco em sua estrutura cerebral e funções de seus membros anteriores. No entando, ainda existem debates sobre sua evolução, com alguns ciêntistas que o classificam como alosaurídeo e outros como Carcharodontosauridae. Acrocantosauro foi o maior trípode de seu ecossistema e provavelmente não era presa, mas sendo possível de ter sido presa dos grandes saurópodes e ornitópodes.
Embora um pouco menor que gigantescos parentes como Giganotosaurus, o Acrocantosauro ainda estava entre os maiores trípodes que existiram. Mas ele não fica por baixo, ele era um grande predador, pois as caçava com uma agilidade enorme, e ele não era de atacar por atacar, ele protegia seu território.

Dados do Dinossauro:
 
Nome Científico: Acrocanthosaurus atokensis
Dieta: Carnívora 
Época: Cretáceo
Local onde viveu: América do Norte
Peso: Cerca de 3 toneladas
Tamanho: 12 metros de comprimento



 Fonte:wikipedia

Nenhum comentário:

Postar um comentário